© 2019 por ABTX  Orgulhosamente criado por shark

TRANSPLANTE DE RIM

É uma opção de tratamento para os pacientes que sofrem de doença renal crônica avançada.

No transplante renal, um rim saudável de uma pessoa viva ou falecida é doado a um paciente portador de insuficiência renal crônica avançada. Por meio de uma cirurgia, esse rim é implantado no paciente e passa a exercer as funções de filtração e eliminação de líquidos e toxinas.

 

Fonte : sbn.org.br

Fonte: adaptado de Uptodate

O que é o transplante de rim ? — O transplante de rim, é a cirurgia para implantar um rim novo e saudável, em uma pessoa cujos rins não estão mais mantendo a sua função adequada.

Porque eu devo me submeter a cirurgia de transplante de rim ? — Na insuficiência renal crônica avançada, a parada de filtração de substâncias tóxicas pelos rins, eliminação de água e eletrólitos levam ao risco de morte. A diálise ( peritoneal ou hemodiálise) é uma opção de tratamento da insuficiência renal.

O transplante renal permite o reestabelecimento da função renal. 

De onde um órgão (rim) pode vir ?

Doador vivo – Um doador vivo geralmente é algum membro da família. 

Doador falecido – Na ausência de um doador vivo, compatível, você pode entrar em uma lista de transplante e aguardar o rim de um doador falecido.

O que deve acontecer no momento da indicação do transplante ? — O seu médico irá encaminhá-lo para um hospital que seja um centro transplantador, autorizado pelo Ministério da Saúde para realizar o transplante de rim. A equipe médica fará uma avaliação clínica e de seus exames e programar o seu transplante quando indicado.

Caso você conte com potenciais doadores vivos, ele ou ela também serão avaliados pela equipe médica, para verificar a compatibilidade e principalmente, garantir a segurança da saúde do doador. 

Se você não contar com um doador vivo compatível,  você será incluído em uma lista de doadores falecidos, segundo as diretrizes médicas e legais vigentes. Você será orientado pela equipe de transplante.  


O que acontece após o transplante de rim ? — Após o transplante de rim, você permanecerá no hospital por alguns dias, até a sua recuperação. 

Você fará uso de medicamentos para evitar a rejeição (imunossupressores) . Estes medicamentos ajudarão o sistema imunológico do seu corpo a não rejeitar o novo rim, porém podem levar à redução do sistema de defesa que combate às infecções. 

Quais os problemas uma pessoa pode ter após um transplante de rim ? — Na maioria dos casos a evolução após o transplante é favorável. As pessoas podem voltar a trabalhar e ter uma vida ativa. Porém alguns podem ter problemas com o rim transplantado, que  podem surgir imediatamente após o transplante ou tardiamente. Eles incluem:

Rejeição  – mesmo fazendo uso correto das medicações (imunossupressores) a rejeição pode ocorrer em maior ou menor grau.  A rejeição acontece em menor frequência quando  há maior compatibilidade entre doador e receptor (doador vivo). Você fará exames periodicamente para monitorar a sua função renal.

Efeitos colaterais das medicações imunossupressoras– o principal efeito indesejável destes medicamentos é a redução da imunidade, que pode levar a infecções e a longo prazo ao desenvolvimento de câncer. 

Aumento da pressão arterial ou doenças cardíacas

Diabetes mellitus

O que acontece se eu não tomo a medicação para evitar a rejeição ? — Se você não tomar a medicação para evitar a rejeição seu corpo irá reconhecer o novo rim como estranho, o que pode levar a perda da função do novo rim.